Guia de Patchwork para Iniciantes

Tudo que você precisa saber para começar

O Patchwork é um trabalho em que pedaços de tecidos pequenos são costurados juntos para fazer uma grande peça, como uma colcha ou uma toalha. Enquanto antigamente os retalhos tinham suas origens na necessidade de se aproveitar pedaços de tecido ou pedaços de vestuários mais velhos, hoje ela evoluiu para uma forma de arte em vários países ao redor do mundo. Alguns exemplos muito bonitos de retalhos podem ser vistos em coleções de museus, ou em casas particulares, onde as colchas podem ser passadas através de várias gerações.

Existem numerosos estilos de blocos e diferentes tecidos disponíveis para serem consumidos. Os famosos Sandwich “sanduíches” são organizados com muito cuidado, na maioria das vezes usamos padrões de repetição para construir um quilt maior, enquanto o quilting livre funciona para prender o topo, a manta e o forro, além de brincar com as formas dos desenhos e as cores das linhas. O quilt acabado ainda pode ser mais ornamentado com bordados, apliques e outros ornamentos, dependendo do gosto do artesão.





Este Guia de Patchwork para Iniciantes foi criado para você que também foi picado pelo bichinho da costura como eu.

Ferramentas básicas

ferramentas-para-patchwork

Para tudo em nossa vida existem materiais necessários que de facilitar eles são uma mão na roda na hora de confeccionar suas peças com mais rapidez. E para a costura a principal é a Maquina de costura.

Máquina de costura para Patchwork

Com ela podemos fazer de tudo que sua imaginação mandar desde roupas, bolsas, mantas, colchas. Das mas simples as mais complexas, tudo se transforma e ganha vida na mão de uma costureira.

Podemos encontrar por ai desde máquina com pedal da época da vovó, que dão até hoje conta do recado, até as mais modernas que costuram com uma apertar de botões e que fazem de tudo.

Claro que a escolha da máquina ideal para você, vai depender muito do que você está querendo fazer. Mas para as iniciantes que nunca pegaram em uma máquina existem marcas muito boas e que são bem acessíveis que dão conta do recado e depois conforme sua necessidade você vai poder escolher outra que supra melhor suas necessidades.

Porém deixo uma dica para você!

As máquinas eletrônicas são mais indicadas para trabalhos menores e em pequena quantidade, já as mecânicas são ótimas para trabalhos mais pesados. Mas se você está pensando em aumentar sua produtividade indico uma industrial que aguenta o tranco além de conseguir trabalhar por longos períodos e sua costura se mantem uniforme mesmo assim. Apesar de muitas máquinas caseiras aguentarem muito seu tempo de vida útil é diminuído cada vez que você exige dela.

Quero deixar bem claro aqui! Não estou dizendo que as máquinas caseiras e eletrônicas não são boas, muito pelo contrário. O que quero esclarecer é que se você pretende viver de artesanato e pegar muitas encomendas logo que sua produção aumentar vale muito investir em uma máquina mais potente e robusta como as máquinas industriais.

Leia também:  Dicas de conservação de peças com dublagem de tecidos

Agulhas de máquinas

Agora vamos falar um pouquinho sobre as agulhas de máquina. Você sabia que ela também tem vida útil? E que podem comprometer é muito seu rendimento na produção. Eu mesma aprendi isso depois de muito tempo e trocar depois de um tempo, realmente faz toda a diferença.

Você também sabe que existem vários números de agulhas para as máquinas e modelos diferentes também e cada uma é para um tipo de tecido e finalidade.

Tamanhos das agulhas e suas indicações

Número 9

São indicadas para trabalhos delicados e com tecidos finos como o tule, cambraia, voile, seda, organza e até uma renda bem fina são algumas das opções que podem ser trabalhadas.

Número 11

Já o número 11 é ideal para trabalhar com tecidos leves como cetim, seda, tafetá e algodão.

Número 14

O número 14 serve para costurar peças mais elaboradas como uma lã fina, algodão, linho, flanela, gabardine, tecidos com veludo mais delicado e outros semelhantes. É uma agulha para todos os trabalhos principalmente em patchwork em trabalhos que vamos fazer o Sandwich. Só não indico essa agulha para trabalhos muito grossos como bolsas.

Número 16

Muito usada no mundo do artesanato à agulha número 16, é ideal para trabalhos mais pesados como os tecidos mais elaborados, como a sarja, brim pesado, lã, veludo e lona.

Número 18                                                                         

E por último temos o número 18 que é muito usada em estofados de sofá, cadeira ou para lona bem mais grossa.

Tesoura para Patchwork

As tesouras são muito utilizadas no patchwork para corte dos tecidos em curvas, tirar moldes e no acabamento. E podemos encontrar em diversos tamanhos e formatos.

Os modelos maiores são para corte de tecidos. As tesouras de pontas finas são conhecidas como as de precisão e também são ideais para dar acabamento e limpar restos de linhas depois da costura.

Já as tesouras de picote são ideais para dar acabamento em peças curvas e para não deixar o tecido ficar desfiando. Além de dar um ar decorativo nas peças.

No entanto você não precisa ter muitas tesouras, mas separei uma grande para cortar os tecidos, outra para feltro, uma para papel e outra para cortar mantas. Dessa forma você conservará por mais tempo o corte de suas tesouras.

Placas de corte ou placas de medidas (Rotary mat)

base-de-corte-patchwork

As placas são bases muito resistentes para cortar tecidos e moldes. Com medidas demarcadas na horizontal e na vertical, em centímetros e do outro lado e em polegadas. Apesar da resistência não devemos colocar nada quente por cima ou deixá-la exposta ao sol e sempre mantê-la em uma superfície plana, pois o calor e a superfície irregular acabam deformando seu material.

Outra dica para manter sua placa por um bom tempo é trocar sempre as lâminas dos cortadores. Isso ajudará a não criar sulcos em sua placa. E para manter limpa sua placa use um pano macio úmido.

Se você ainda não comprou sua placa, opte por placas maiores (no mínimo 45x60cm) apesar do preço mais elevado você não vai trocar com tanta frequência então vale a pena comprar uma do tamanho médio a grande e de uma boa qualidade.

Leia também:  Patchwork Natal

Régua de Medida ou Régua de Patchwork (Rotary ruler)

Reguas-patchwork

As réguas são de acrílico com marcações de medidas em centímetros ou em polegadas e ainda tem ângulos (30º, 45º e 60º) desenvolvida para facilitar a vida no mundo patch. Além de facilitar os cortes podemos encontrar vários tamanhos e formatos como quadradas, triangulares, retangulares e outras formas.

Claro que você não precisa comprar todas para começar a costurar eu mesma demorei muito para comprar as minhas, mas se você for realmente viver de patch vale a pena investir nesses materiais e de qualidade.

Agora estou começando a investir nas réguas em polegadas.

Se você está pensando em comprar uma régua para começar você pode optar por uma régua de 15×30 cm, é um tamanho bacana para começar.

Cortador Circular (Rotary Cutter)

cortador-circular

É uma ferramenta de corte circular que possui uma lâmina muito afiada que permite que você corte várias camadas de tecido de uma só vez e com precisão. O que facilita é muito no trabalho de patchwork.

O cortador é uma peça fundamental no trabalho em patchwork e os mais usados são os cortador com lâminas 45mm, por ser ideais para cortar vários tecidos eles também possuem hastes de segurança que você deve fechar sempre que não tiver usando. Como já comentei anteriormente as lâminas devem ser trocadas com frequência para não comprometer a vida útil de sua placa e não comprometer a qualidade do corte há pessoas que trocam a cada novo projeto.

Outra dica é não descartar as lâminas, pois elas são ótimas para cortar feltro e mantas.

Ferro de passar

Um item indispensável para quem fazer patchwork. O ferro ajuda muito na hora de tombar ou abrir as costuras, colocar manta com resina, fazer patchapliques e fazer a técnica de acoplagem (dublagem de tecido). Você não precisa ter um ferro para costura e outro para uso pessoal, basta ter sempre a mão um pedaço de tecido de algodão para colocar sobre a peça e não danificá-la.

Tábua de passar

Hoje encontramos no mercado mini tábua que ajuda muito na hora de abrir uma costura. Além de portáteis são ótimas para deixá-las ao nosso lado na hora da costura para não perdemos tempo levando até a tábua de passar.

Desmanchador de ponto ou abridor de casas (Seam ripper)

Um amigo para qualquer costureira com ele você consegue abrir casas e desfazer costuras com facilidade.

Giz de alfaiate ou caneta invisível

Esse tipo de material é muito utilizado para marcar os tecidos principalmente para fazer moldes ou marcar a localização de botões, costuras. E com a modernidade eles desaparecem ao contato com o calor ou água. Eu particularmente adoro, para marcar as linhas para fazer o matelassê assim sai tudo retinho e uniforme.

Materiais para Patchwork

 Tecido de algodão (FABRIC)

tecido-patchwork

Para um bom resultado em seus trabalhos em patchwork prefira os tecido 100% algodão e de boa qualidade. Você pode encontrar uma grande variedade entre lisos, estampados, com estampas grandes ou miúdas e os temáticos e os digitais. Suas medidas podem mudar os tecidos importados normalmente têm 1,10 m de largura e os tecidos nacionais, 1,40 ou 1,50 de largura. Escolha sempre os de boa qualidade sempre para agregar valor as suas peças.

Leia também:  Como aproveitar os retalhos de manta

Aprenda como preparar os tecidos para cortá-los

Quando compramos tecidos antes de usá-los temos que ter alguns cuidados:

– Lave sempre os tecidos antes de usá-los;

– Coloque os tecidos dobrados (do jeito que veio da loja) num balde. E deixe descansar por 1 hora;

– Não precisa acrescentar sabão em pó só a água basta;

– Não misture tecidos de outras tonalidades, pois você pode correr o risco de soltarem tinta e você perder mais tecidos. Lembre-se tecido de boa qualidade não solta tinta, então cuidado;

– Torça na mão ou centrifugue na máquina o tecido e estenda-o no varal, cuidando para não colocar prendedores na ponta do tecido. Um jeito que costumo fazer com meus tecidos é estender o tecido com uma dobra ao meio e colocando dois prendedores um em cada lado do tecido, dessa forma evito que marque ou deforme o tecido e seque a sombra;

– Lembre-se de passar o tecido pelo comprimento e dobrar pela largura;

– Outro cuidado é utilizar um pano de algodão na hora de passar o tecido muito delicado, assim evitará que ele queime ou fique amarelado. Agora se o tecido for muito estampado, você deve passá-lo pelo avesso;

Agora sim o tecido está pronto para ser usado!

 Manta acrílica

 A manta é um enchimento que usamos na colcha, na manta, nas bolsas e em muitos outros lugares. Ela fica no meio do trabalho, entre o topo e o fundo do trabalho. A manta mais utilizada para trabalhos como painéis, jogo americano e caminhos é a manta acrílica (de poliéster), que possui grande variedade no mercado quanto aos modelos Colantes (R1 cola de um lado e R2 cola dos dois lados) que possuem as mesmas espessuras e as mantas fofinhas de acrílico. Porém tomem cuidado com as mantas de algodão, pois elas podem encolher na hora da lavagem e comprometer todo seu trabalho.

Para escolher a manta ideal para seu trabalho leia também: Link

Linhas

linhas-patchwork

Por incrível que parece a linha é um material importante no patchwork. Além de dar um acabamento bonito na peça encontramos uma grande variedade de cores, brilhos e espessuras. E na hora de fazer seus trabalhos em patchwork é importante lembrar que a linha também ajuda se for de boa qualidade, por fazer trabalho mais grosso gosto muito das linhas 100% poliéster como as usadas nas máquinas de costuras para bordar que são resistentes e tem um brilho muito bonito e as 100% algodão apesar de mais caras são mais resistentes.

Eu adoro usar linha branca em tudo, pois gosto do contraste que a linha dá no trabalho.

Tipos de cortes para iniciantes

  • Nine Patch
  • Bloco Windmill (Moinho de vento) ou Pinwheel (cata-vento)
  • Log Cabin

 

Comentários

comentários


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

19 − 2 =