Crochê: aprenda como ler gráficos – parte 2

Crochê: aprenda como ler gráficos – parte 2

Como você viu no post anterior Crochê: como ler gráficos – parte 1, aprender crochê não é tão complicado assim!

Apesar do começo parecer bem complicado por conta de interpretar e entender como ler gráfico de crochê, nesse post você vai aprender mais símbolos e o que eles significam.

Com essas dicas de crochê você vai ganhar mais prática, e sentir mais segurança para fazer seus projetos.

E com os treinos você vai perceber que sua produtividade irá aumentar e já não terá tantos erros, o que com a prática vai se tornando cada vez mais raros.

Tipos de gráficos de crochê

Aprender como ler gráficos e entender suas peculiaridades é muito importante para fazer um bom trabalho.

Existem dois tipos de gráficos que você irá encontrar: os modelos circulares e os lineares.

Os gráficos circulares deve ser lidos sempre no sentido anti-horário. E todas as suas carreiras de pontos são lidas dessa mesma forma.

Já o gráfico linear é composto de idas e voltas e seu início será sempre na indicação simbolizada por uma seta preenchida.

 É comum a primeira carreira de pontos ser lida da esquerda para a direita e a segunda carreira de pontos da direita para a esquerda.

Dicas importantes para quem é iniciante no crochê 

É muito importante iniciar a leitura de gráficos mais simples, para que você consiga entender e vá pegando o gosto pelo crochê.

No início projetos muito elaborados e difícil pode não dar certo e fazer com que você desanime logo.

O ideal é praticar bastante com projetos simples e de fácil execução e quando já se sentir segura passe para um projeto mais complexo.

Ao longo dos treinos você vai perceber que os pontos saem com mais rapidez e praticidade e os projetos em um tempo bem menor e com mais fluidez.

O segredo para fazer belos trabalhos em crochê é sempre treinar e praticar.

Estude como ler gráficos diferentes e complexos e pratique sempre, desafie seus limites!

No vídeo Crochê: aprenda como ler gráficos – parte 2 você vai aprender com o Samuel Ramos como interpretar mais símbolos do crochê.