7 Erros que você comete em seus trabalhos em patchwork que dificultam a venda

Quando somos apaixonados por artesanato muitas vezes pensamos em criar muitas coisas para vender. No entanto, nesse momento queremos fazer tudo que aprendemos sem um maior planejamento e saímos comprando tudo em nossa frente. Muitas vezes ficamos com tecidos parados, por não combinar com nenhum que compramos antes.

Quem já não passou por isso, que jogue a primeira pedra! Eu mesmo já fiz muito isso no começo, até entender que para tudo temos que planejar.





Como você quer ser conhecida

E algumas regras você deve colocar desde os primeiros trabalhos, o como você quer ser conhecida, você quer que sua peça dure por muito tempo, que não manchem e não percam a forma. Tudo isso temos que pensar antes de fazer algo para vender para que consigamos atingir o sucesso.

Por isso, que nesse artigo separei 7 erros que muitas vezes cometemos em nossos trabalhos de patchwork e que dificultam na hora da venda e para você começar com o pé direito com seus trabalhos em patchwork e não errar.

Trabalhos pouco atrativo

Percebo que muitos ao começar a fazer peças para vender, não fazem um planejamento e muitas vezes fazem muitos trabalhos que são pouco atrativo e acabam ficando parado.  E essa é uma grande barreira para o artesão, identificar os produtos e o que o mercado está querendo consumir.

Acabamentos mal feitos

Uma barreira que temos que enfrentar ao trabalhar com patchwork é o acabamento. E se você não gosta de refazer, desmanchar costura e tentar até conseguir fazer certo. Lamento dizer que você não está no lugar certo!

O acabamento mal feito desprestigia o profissional e causa uma imagem ruim de todo seu trabalho. Claro que não somos perfeitos e não somos máquinas, mas um bom acabamento faz parte de um bom trabalho manual.

Leia também:  3 Dicas para melhorar seu Patchwork

Tecidos de baixa qualidade

Querer ganhar dinheiro com produtos de baixa qualidade não vai fazer você crescer de forma sólida. O que percebo no patchwork é a qualidade dos tecidos escolhidos. Tecidos baratos e de refugo para uns pode funcionar. Mas se você quer ter sucesso fazendo patchwork você precisa ter qualidade nos seus produtos e os tecidos é o primeiro dele.

Tecidos que soltam tinta e mancham a peça, esgarçam ou encolhem podem acabar com a imagem de um negócio que está começando.

Tecidos que não combinam

Em uma confeitaria podemos dizer que primeiro comemos com os olhos, não é mesmo? Com o patchwork não é diferente e além de escolher peças atraentes os tecidos têm que conversarem entre si, senão não dá.

Peças sem harmonia não vendem por isso temos que saber escolher bem as cores da composição de uma peça. Mas também não podemos ficar somente em um tom ou naquilo que temos segurança que não seremos atrativos para vender. Aprender como trabalhar com as cores é muito importante! Não se preocupe! Você não está sozinha, muitas sofre com isso, eu mesma já sofri na hora de escolher a composição das horas dos projetos.

Não criar kits

Outras forma que erramos na hora de fazermos nossas peças em patchwork é não pensarmos em criar Kits para amarrar as vendas como por exemplo fazer uma bolsa, uma carteira e uma bolsa organizadora tudo combinando ou no mesmo tecido e com um preço diferenciado. Isso funciona muito em ferinhas e lojas onde você consegue oferecer.

Não melhorar suas técnicas de patchwork

Quando não procuramos nos reciclar deixamos de desenvolver novas técnicas, ficamos defasados em nossa técnica e ainda não acompanhamos a não conseguimos melhorar nosso trabalho e otimizar nosso tempo.

Leia também:  Bolsas com tecido dublado

Uma dessas formas que gosto muito de melhorar minhas técnicas são com cursos online que me permite estudar em horários flexíveis e em qualquer lugar. Mesmo que apareça dúvidas é só voltar a aula e pausar sempre que necessário. Aprendi muitas técnicas em cursos online nesses últimos dois anos e recomendo muito.

Agora mesmo fiz o Curso de Paisagens em Patchwork e Quilt totalmente online e muito explicadinho, tô adorando. Com ele pretendo melhorar minha técnica e ainda lançar uma linha nova com bolsas e acessórios com paisagens brasileiras.

Espero que essas dicas tenham ajudado você a melhorar seu trabalho. Se tiver alguma dúvida em relação ao patchwork ou sugestão deixe nos comentários abaixo.

Abraços e muito costurices!

Comentários

comentários


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 × 4 =